O resultado da Eleição no Sindipetro-RJ – Vitória da Chapa 1 – Independência, Unidade e Luta!

Publicado em 11/05/2014 em: http://petroleirosbaserj.wordpress.com/2014/05/11/sobre-o-resultado-da-eleicao-no-sindipetro-rj-vitoria-da-chapa-1-independencia-unidade-e-luta/

Os trabalhadores do Rio de Janeiro concluíram que Sindicato é coisa muito séria para ficar nas mãos de dirigentes que não têm qualquer independência com o governo e, por isso, mais de 60% votaram na Chapa 1 – Independência, Unidade e Luta!

Muitos concluíram que a política de alianças fisiológicas do Governo de plantão tem permitido derrotarem o projeto dos trabalhadores, pois:

Precarização/Terceirização/Privatização

– enquanto a Petrobrás cresce, os direitos dos trabalhadores decrescem com a política divisionista da FUP/Dilma de terceirização/precarização dos postos de trabalho,modo de escravidão do século XXI, que se caracteriza pela retirada de direitos e redução dos ganhos da Classe trabalhadora, em seu conjunto, e instrumento de privatização indireta e velada;

Aposentadoria/PETROS e PETROS 2 – Retirada de direitos de antigas e novas gerações

– FUP ataca os direitos de aposentadoria dos trabalhadores pelo processo de Repactuação do Plano Petros (abdicação de direitos de aposentadoria sob pressão financeira, psicológica, gerencial e político sindical) e imposição de plano rebaixado, o Plano Petros 2, às novas gerações, com a redução da contribuição da Petrobras em até 59,73% (de 14,9% p/ até 6,0%); e

– na gestão de nossa já rebaixada poupança para a aposentadoria na PETROS, fazem má política com nossas reservas: aplicam em negócios duvidosos [ex.: Universidade Gama Filho (descredenciada do MEC); Bancos Panamericano, Cruzeiro do Sul e BVA (falidos); Lupatech (em recuperação judicial)] e promovem 36 planos deficitários à custa dos petroleiros, mesmos quando advertidos pelo Conselho Fiscal, para, em seguida, firmarem um TAC com a PREVIC (Agência reguladora de Aposentadorias) em que perdoam dívida superior a 200 milhões de reais;

PLR – Regramento rebaixado e equivocado

– no regramento da PLR, atropelaram a categoria – A proposta, objetivamente, é muito ruim (até 7,25% do Lucro Líquido p/ metas a 100% 120%)). Comparativamente, o Banco do Brasil pagou 12,4% do Lucro Líquido e a COPEL chegou a pagar o limite dos 25% dos dividendos recebidos pelos acionistas (A regra que nos vincula aos crescentes ganhos dos acionistas / a PLR Máxima). No caso da Petrobras, para este ano de 2013, considerando os dividendos propostos de R$ 9,301 Bi, o valor a ser distribuído seria de R$ 2,33 Bi (57% maior que a “enorme conquista da FUP/RH” e 109% maior que a “regra antiga”). Ainda, a regra não considera nenhum Resultado criado pelos trabalhadores (+ de 5 vezes o Lucro), pois somente tem o lucro como referência para a definição do montante a ser distribuído como PLR, desconsidera o R da PLR. E o pior é que esta regra da FUP/RH coloca a categoria, contra os interesses de toda a sociedade e dos demais trabalhadores. Entenda os porquês nos textos “Resistir é fundamental” e “Sindicato é coisa séria

Perseguição

– FUP impõe a discriminação dos aposentados pelo artifício da tabela congelada, do aprofundamento da política de remuneração variável e “concessão de novos direitos” que não são estendidos aos aposentados;

Privatização do Pré-sal

– os trabalhadores descobrem o Pré-sal, e a FUP/Dilma o privatiza – e a preços de banana;

Balcão de Negócios X A Criação dos Trabalhadores

– os trabalhadores criam lucros e resultados crescentes e espetaculares, e os indicados políticos fisiológicos lesam a Petrobrás e solapam todos os esforços dos trabalhadores e, pior, nos colocam à mercê da mídia empresarial (ditadora e corrupta) e da direita (incompetente, entreguista e privatista), para nos impingirem a imagem de incompetentes ou ladrões.

Não!!! Não somos ladrões e muito menos incompetentes.

Muito pelo contrário!!!!

Os trabalhadores criaram, só em 2013, mais de 154 bilhões . . .

Por isso, Federação Nacional dos Petroleiros – FNP!!!

Anúncios
Galeria | Esse post foi publicado em Instrumentos e argumentos para o fortalecimento do trabalhador, Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

COMENTÁRIOS? Os faça no quadro abaixo. Caso queira responder a um comentário já realizado, clique no link "Responder" do respectivo comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s